Back To Top
MENU
Scoliosis Research Society
SRS: Scoliosis Research Society

Scoliosis Research Society

Dedicado ao ótimo atendimento de pacientes com deformidade da coluna vertebral

Cifose

Cifose Congênita

Definição e Classificação
Nas primeiras seis a oito semanas de vida embrionária, um erro genético ocorre que resulta numa falha de formação ou falha de segmentação na parte mais anterior de um ou mais corpos vertebrais e discos. Este defeito faz com que a coluna desenvolva uma angulação anterior aguda durante seu crescimento. A inclinação para frente da coluna chama-se de cifose, que é considerada congênita quando ocorre antes do nascimento. Cifose congênita não passa de pai para filho (não é hereditária) e ocorre sem uma razão conhecida. Quando observada de frente a coluna pode estar reta ou apresentar uma escoliose associada.

Existem dois tipos de cifose congênita: falha de formação e falha de segmentação. A falha de formação (Cifose tipo I) de um ou mais corpos vertebrais resulta numa cifose que geralmente progride durante o crescimento (Figura 1). Esta deformidade é geralmente visível ao nascimento como uma saliência ou caroço na coluna do bebê. A falha de segmentação (Cifose Tipo II) ocorre quando duas ou mais vértebras não se separam e assim não formam discos normais e corpos vertebrais retangulares. Este tipo de cifose congênita é frequentemente diagnosticado mais tarde, geralmente após a criança começar a caminhar.

Cifose Congênita

Figura 1. As imagens da esquerda mostram uma Ressonância Magnética de múltiplas vértebras em cunha retratadas no desenho ao lado. As imagens da direita mostram uma falha de segmentação. A Tomografia Computadorizada com reconstrução 3D mostra um exemplo.